Opinião/Crônica do Dia

(22/08/2019) - Palavras de amor

Filho de mineira e casado com mineira, a minha dupla favorita é de BH. César Menotti e Fabiano são os meus preferidos. Talvez pelas “palavras de amor” das canções, mas certamente em função da espiritualidade da dupla. Há um humor criativo e um sentido humanizado. Sou o único da família que ainda coleciona CD. Eu tenho todos dos “gordinhos”. 

Desde 2004 até agora, incluindo Memórias I e II. Gosto do ritmo, da temática, das flores e cores, dos tons e dons. Assisti a um único show ao vivo, justamente no Parque do Peão. Hoje vou com Márcia ver novamente César Menotti e Fabiano. Nada de cantar junto. Vou lá para ouvir, entender porque "não era eu" e conferir o significado de “cesarmenottiando”. 

Continuo achando que existe um lugar melhor que BH, contrariando minha dupla favorita...Talvez realmente, "não importe o lugar"... Paz e bem.


Imprimir