21 de Abril de 2018 | 02:54:57

04/01/2018 | Política / Política

Obras da Fundo de Vale são retomadas após embargo do Ministério do Trabalho

Embargo aconteceu no dia 18 de dezembro

Obras da Fundo de Vale são retomadas após embargo do Ministério do Trabalho

CRONOGRAMA: Obras no trecho da rua 22 com avenida 11 retornaram nesta quarta-feira, dia 3
Tininho Júnior

Ampliar foto

As obras da Avenida Fundo de Vale na rua 22 com avenida 11 foram retomadas ontem. O trecho estava interditado  após pedido de embargo da CPFL alegando riscos aos trabalhadores que atuam próximos a postes e linhas de alta tensões. No dia 18 de dezembro, o Ministério do Trabalho proibiu a continuação do serviço sob pena de multa. Posteriormente, a companhia de energia removeu os postes e fiação no trecho.  O prefeito Guilherme Ávila considerou a interdição lamentável.  Durante entrevista na rádio O Diário Independente FM, o chefe do Executivo declarou que a previsão de término é maio deste ano, se não houver outras intercorrências.

“É lamentável que a empresa atrapalhe uma obra que já é muito difícil e tem vários problemas, a CPFL embarga a obra e depois em 48 horas resolve o problema que poderia ter sido resolvido lá atrás, então é no mínimo incompetência e preguiça”, disse. O prefeito reiterou que a obra apresenta muitas dificuldades dentre elas o período chuvoso, estar no centro da cidade, canalização, desapropriação, redes de energia, telefonia e fibra ótica.