16 de Agosto de 2018 | 02:00:29

12/02/2018 | Especiais / Saúde e Bem Estar

Nutricionista orienta sobre alimentação e hidratação no verão

Guilherme Bezerra destaca quais produtos são indicados para cada momento do dia

Nutricionista orienta sobre alimentação e hidratação no verão

O nutricionista Guilherme Bezerra
Tininho Júnior

Ampliar foto

O nutricionista Guilherme Bezerra deu orientações para manter a alimentação e hidratação durante o verão. A época mais quente do anos exige cuidados importantes. A escolha de frutas é essencial nos quesitos nutricionais e na hidratação. O nutricionista barretense Guilherme Bezerra, que é também educador físico, lembrou que as altas temperaturas favorecem a ingestão de líquidos, frutas e saladas, diminuindo a vontade de “atacar” a geladeira. Ele explicou sobre alimentação saudável e deu dicas para combinar variações.

O Diário: Qual a importância de incluir as frutas na dieta?
Guilherme Bezerra: Verão é uma época deliciosa para comer frutas. Elas hidratam, refrescam, alimentam, nutrem e saciam a vontade de comer doce. As pessoas não precisa ter medo de consumir frutas porque elas são ricas em fibras, vitaminas e antioxidantes.

O Diário: Cereais integrais devem complementar a alimentação em dias quentes?
Guilherme Bezerra: Uma alimentação balanceada é decisiva para conquistar uma vida saudável e de qualidade. Tudo o que ingerimos reflete diretamente em nosso organismo, gerando malefícios ou benefícios a curto e longo prazo. Os cereais integrais são grãos inteiros, fontes de fibras, nutrientes, minerais (como zinco, fósforo, magnésio), vitaminas e energia (por meio dos carboidratos e proteínas presentes). Alimentar-se com cereais integrais beneficia significantemente a saúde, auxilia no combate da prisão de ventre e diminui a incidência de doenças como diabetes (por regular os níveis de insulina) e câncer. Contribui para o controle de peso porque causa sensação de saciedade, controla o colesterol, beneficiando o sistema circulatório; mantém a saúde do coração, dos ossos, do sistema nervoso e imunológico e do corpo em geral. Todos esses benefícios devem estar aliados a uma dieta de baixo teor de gordura e a um estilo de vida saudável, com a prática de atividade física, eliminação do tabagismo, estresse e ansiedade.  Alguns exemplos são: aveia, chia, linhaça, gergelim, semente de girassol, entre outros.

O Diário: Qual a quantidade ideal de consumo de água durante o dia?
Guilherme Bezerra: É comum ouvir que a recomendação padrão ideal de consumo de água são 2 litros por dia. Mas não é verdade. Essa média é feita levando em conta uma pessoa que pesa 70 kg. Mas a verdade é que cada pessoa tem uma necessidade diferente. Sugere-se multiplicar por 35 o peso corporal de cada um. O resultado é a quantidade mínima de água que esta pessoa precisa ingerir por dia. Contudo, é claro que isso pode mudar muito para cada pessoa, dependendo do estilo de vida, atividade que pratica, trabalho, e até mesmo com que regularidade funciona o intestino.

O Diário: Quais as carnes e preparos recomendados?
Guilherme Bezerra: Embora muitas pessoas pensem que as carnes são necessariamente calóricas, isso não é verdade. Este alimento é fonte de minerais, vitaminas e outros nutrientes essenciais para o funcionamento do organismo como ferro, zinco, cobre e selênio. Recomendo sempre carnes magras como: carnes vermelhas (bovino e suíno) como o “patinho” e o “lagarto”; carnes brancas (peixe e frango) que costumam ser mais magras (lembrando de nunca ingerir a pele ou outras gordurinhas do frango). Na hora de preparar o alimento, evite fritá-lo em óleo ou acrescentar muito sal ou temperos prontos. Além disso, procure retirar toda a gordura aparente da carne antes de consumir.

O Diário: Legumes e verduras devem estar presentes no almoço e jantar? Quais as mais indicadas?
Guilherme Bezerra: Tanto legumes, quanto verduras, são indispensáveis nas duas refeições, pois são neles que encontramos principalmente as fibras, vitaminas e nutrientes. São eles: beterraba, mandioca, batata e batata doce, cenoura, brócolis, couve flor, acelga, agrião, couve, alface, rúcula, espinafre, entre outros.

O Diário: Carboidratos e doces devem ser consumidos com moderação no verão?
Guilherme Bezerra: Não só no verão, mas como em todas as estações do ano, o consumo de doce não é saudável, pois contém um alto índice glicêmico e eleva rapidamente a insulina. Exemplos: balas, doces, refrigerantes e bolachas. Já os carboidratos precisam de uma atenção maior, pois cada pessoa tem necessidades diferentes. A escolha dos carboidratos na dieta deve estar muito mais na qualidade do que na quantidade. Devemos sempre dar preferência aos carboidratos complexos (integrais), pois contêm fibras e controla a glicemia, além de dar saciedade por mais tempo e conter mais nutrientes. Exemplos: grãos, frutas e hortaliças. 

O Diário: Como deve ser o prato ideal para café da manhã, almoço e jantar? Quais alimentos devem conter?
Guilherme Bezerra: Essa é uma pergunta muito individual, pois cada pessoa tem necessidades diferentes de acordo com seu estilo de vida. Depende do horário que costuma acordar, da hora que vai dormir, se pratica exercício físico ou não, e a hora que pratica, se é diabético, se tem o intestino preso, entre outros. Mas de uma forma geral, recomenda-se que sempre contenha: café da manhã: frutas, cereais (exemplos: aveia, linhaça, semente de chia) e proteína (queijo, ovos); almoço e jantar: salada, legumes, proteínas e carboidratos.

O Diário: Como deve ser o consumo de líquidos durante as refeições?
Guilherme Bezerra: Durante as principais refeições (almoço e jantar) não se deve ingerir nenhum tipo de líquido. Pois nessas refeições é liberado um grande número de enzimas digestivas que se combinadas com qualquer tipo de líquido são diluídas. A consequência é uma digestão ruim e baixa absorção de nutrientes.

Algumas sugestões de frutas para o verão são:

- Melancia, rica em vitamina C, betacaroteno e licopeno, que é um poderoso antioxidante carotenoide que neutraliza radicais livres, que são nocivos ao corpo. Além disso, o alto teor de água da fruta ajuda o bom funcionamento dos rins;

- Manga, mamão e gojiberry são ricas em vitamina A,  que participa da formação de melanina, pigmento responsável pela coloração da pele;

- O melão é ainda mais rico em potássio do que a melancia e também contém grandes quantidades de água, sendo outro poderoso diurético natural;