22 de Maio de 2018 | 10:30:46

18/05/2018 | Opinião / Editorial

Frota e segurança no trânsito

Barretos tem uma frota de 90.854 veículos, incluindo 45.924 automóveis, 23.534 motos e 6.062 motonetas

Secretaria Municipal de Ordem Pública informou que o recadastramento anual dos mototaxistas em Barretos foi prorrogado e deve ser feito até o dia 18 de maio. Não parece claro, nem mesmo evidente, que a regra fixada pela prefeitura "colou" e sensibilizou o setor.  Mesmo assim, é preciso exercer o papel de regulador, de fiscalizador e de zelador.

A norma estabelece que o recadastramento deve ser realizado no Serviço Municipal do Poupatempo, localizado no Shopping no Poupatempo. A unidade esta aberta de segunda a sextas das 8 às 17 horas, e aos sábados das 8 às 12 horas.

A secretaria barretense orienta que "o recadastramento é necessário para identificar quem, de fato, trabalha na atividade e para que o profissional possa exercer o serviço de forma legalizada".

No ato do recadastramento o mototaxista deverá apresentar o recibo de compra e venda do veículo e a CNH (originais), além de documentos afins.

Barretos tem uma frota de 90.854 veículos, incluindo 45.924 automóveis, 23.534 motos e 6.062 motonetas. Evidente que o fluxo de veículos tem aumentado, exigindo novas malhas viárias, mais estratégias de acessos e melhor logística de segurança e economia. Entretanto, carece cada vez mais de um cuidado no trânsito. A circulação de veículos - especialmente motos - é fonte de acidentes, de vítimas e danos físicos e materiais.

Cadastramento de mototaxistas não é opcional para a prefeitura e um efetivo controle da habilitação de motocicletas na cidade exigência de segurança e defesa da vida, da sociedade e da paz no trânsito.