18 de Agosto de 2018 | 15:37:33

18/05/2018 | Especiais / Guia Cultural

Livro reúne cultura e solidariedade com participação de barretenses

Antologia Solidária reúne textos de 20 autores e terá renda revertida para o Fundo Social

Livro reúne cultura e solidariedade com participação de barretenses

CULTURA: Livro teve coordenação de Sada Ali com apoio do secretário João Batista Chicalé
Tininho Junior

Ampliar foto

O projeto Antologia Solidária utiliza a colaboração de 20 autores barretenses para ajudar o próximo. Segundo a escritora Sada Ali, idealizadora e coordenadora da ação, voluntários enviaram poesias, artigos e contos, cedendo os direitos autorais, para que o livro pudesse ser realizado, com o apoio da secretaria municipal de Cultura e do editor Luiz Felipe Nunes (Editora Pirapora). O valor obtido com a venda dos livros será revertido para o Fundo Social de Solidariedade. “Este apoio cultural foi passado por um filtro. Foi feita uma seleção dos candidatos através de uma plataforma, onde a pessoa não se identifica junto com seu trabalho. O texto é enviado e os dados enviados separadamente. Eles foram julgados pela editora com três membros que participaram do júri de escolha”, disse Sada Ali.

De acordo com a idealizadora, o livro está em processo de finalização, depois da seleção que foi terminada há pouco menos de duas semanas. “Todos os autores enviaram suas minibiografias que vão constar em uma folha de rosto no livro. A partir disso, então, estão sendo feitas uma revisão e diagramação para a gráfica”, contou. Sada informou que na próxima semana o livro irá para a gráfica e dentro de 10 dias deverá estar pronto para o lançamento. “Vamos discutir com a secretaria de Cultura qual o melhor dia para que possa abranger o maior número de pessoas envolvidas”, continuou. O livro poderá ser adquirido e estará à venda na livraria Nobel, no North Shopping.

LANÇAMENTO
O livro do projeto Antologia Solidária terá a presença do escritor Menalton Braff, que colaborou com a resenha. “Escolhemos um autor de renome nacional, premiado Jabuti. Ele fez a resenha da capa e estará presente no dia do lançamento, até como um incentivo para que os autores que enviaram seus trabalhos sejam reconhecidos e sintam-se valorizados com o que fizeram. Afinal de contas, eles despojaram de algo era deles para doar”, disse.

SOLIDARIEDADE
Sada Ali explicou a importância de integrar um projeto no qual a cultura mobiliza pessoas para ajudar alguém que precise. “É sair de si. Você deixa de apenas sair da sua projeção de trabalho, mas também doa-se ao outro. Você aquilo que faz e acredita e tem uma expectativa sobre e doa em benefício de um outro que você não conhece, representado desta vez pelo Fundo Social de Solidariedade. Será para eles toda a renda revertida com a venda destes livros”, comentou.

INCENTIVO
O secretário municipal de Cultura, João Batista Chicalé, explicou que a pasta municipal abraçou o projeto. “Agradeço a Sada que nos procurou e mostrou, e achei muito interessante. É um projeto que vai dar oportunidade aos nossos autores barretenses, que possam mostrar seus trabalho e capacidade”, destacou.