15 de Outubro de 2018 | 20:38:55

11/08/2018 | Cidade / Cidade

Delegacia do Serviço Militar dá sequência à formação da turma do TG

Turma de atiradores nascida nos anos 2000 será selecionada em fevereiro

Delegacia do Serviço Militar dá sequência à formação da turma do TG

SERVIÇO MILITAR: Tenente Lelis explicou sobre a seleção de jovens para o Tiro de Guerra
Tininho Junior

Ampliar foto

O tenente Edson Lelis, responsável pela 10ª De­legacia de Serviço Militar de Barretos, confirmou andamento no proces­so de seleção dos jovens nascidos no ano de 2000. Na manhã de ontem, no Tiro de Guerra, alguns jovens fizeram o jura­mento à bandeira e fo­ram dispensados. Os de­mais, que se encaixam no perfil exigido, ficaram à disposição para a con­tinuidade do processo de seleção. “Esta atividade é importante para o jo­vem que está no proces­so de alistamento militar obrigatório, que cumpre com sua obrigação legal. Avançamos um passo adiante na seleção. E no final desta semana, tere­mos aproximadamente 400 jovens aptos para prosseguirem na seleção do Tiro de Guerra em janeiro”, disse o tenente Lelis.

Com quase 1.000 alis­tados no início do pro­cesso, 100 serão defini­dos em fevereiro para formar a turma de ati­radores nascidos no ano de 2000. “Os critérios são simples, mas muito téc­nicos. Simples no sen­tido que o jovem passa por uma inspeção mé­dica, sendo apto ou não apto. Se não for, não se­gue à frente. Depois, vão tirar todas suas medidas (força, altura e peso) que vão para o banco de da­dos do Ministério da De­fesa. Depois disso, ele passa por uma entrevista com os instrutores, um segundo pente fino para identificar qual jovem tem o perfil para o Tiro de Guerra”, concluiu o tenente Edson Lelis.