23 de Setembro de 2019 | 12:55:34

23 de Setembro de 2019 | 12:55:34

25/05/2019 | Especiais / Viagem e Turismo

Turismo pelo Acre revela diversidade e história da cultura brasileira

Museu da Borracha, Parque Chico Mendes e Mercado Velho são opções de visita

Turismo pelo Acre revela diversidade e história da cultura brasileira

CULTURA: Museu conta história do ciclo da borracha pelo estado do Acre
Divulgação

Ampliar foto

O Acre é um estado brasileiro localizado na região Norte do Brasil  e faz fronteira com dois países, o Peru e Bolívia. As principais atividades econômicas são a extração de borracha e castanha, a agricultura e a pecuária. Para os turistas, o Acre também reserva riqueza em diversidade cultural, especialmente para aqueles adeptos do ecoturismo, que apreciam o contato com a natureza e procuram comunidades indígenas.  Rio Branco é a capital  e o município mais populoso com 314 mil habitantes. Uma cidade hospitaleira que possui lindas praças, um centro histórico com prédios restaurados, construções importantes como o Palácio Rio Branco, o Palácio da Justiça, entre outros.

MUSEU DA BORRACHA: É dedicado a coletar, armazenar e expor objetos que contam a história do ciclo da borracha pelo Acre. É um centro cultural com diversas atividades educativas e ainda tem em sua estrutura um arquivo, auditório e biblioteca.

PARQUE CHICO MENDES: Construído pelo governo estadual no ano de 2003,  além de ser um espaço agradável para quem passeia, foi pensado para movimentar o comércio de artesanato acreano na capital. O Parque conta com uma bela paisagem verde e a presença de artesãos.

IGREJA DE FERRO: Também conhecida como Igrejinha de Ferro a paróquia Nossa Senhora da Conceição é considerada o único marco religioso da Revolução Acreana, que aconteceu em 1903. Resultado de uma promessa, a igreja foi projetada e construída por uma dupla de alemães sendo revestida por chapas de metal.

MERCADO VELHO: Essa construção é um marco histórico do início da urbanização de Rio Branco, construído no fim da década de 20. O Mercado Municipal, também conhecido como “mercado velho” foi reformado com o objetivo de atrair os acreanos a visitá-lo e elevar sua importância. O Mercado funciona todos os dias da semana, das 8 às 18 horas.