23 de Setembro de 2019 | 15:05:28

23 de Setembro de 2019 | 15:05:28

23/08/2019 | Política / Política

Doria considera que PSDB escolheu lado errado em caso Aécio Neves

Doria considera que PSDB escolheu lado errado em caso Aécio Neves

Governador de São Paulo, João Doria
Divulgação

Ampliar foto

O governador João Doria lamentou a decisão da maioria dos membros da Executiva  do PSDB que votou a favor da manutenção de Aécio Neves na legenda. “O PSDB escolheu o lado errado, respeito a votação, mas ela não reflete o sentimento da opinião pública brasileira”, comentou nas redes sociais. “Cada membro da Executiva deve responder por sua posição. A minha é clara: Aécio Neves deve se afastar do PSDB e fazer sua defesa fora do partido. O derrotado, nesse caso, não foi quem defendeu o afastamento de Aécio. Quem perdeu foi o Brasil”, escreveu Doria.

A cúpula do partido acompanhou o parecer do relator Celso Sabino, contrário ao afastamento do tucano. Dos 35 membros, 30 votaram pelo arquivamento do pedido. Quatro foram contrários: o deputado federal Samuel Moreira, o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, o secretário de Saúde da prefeitura de São Paulo, Edson Aparecido, e o tesoureiro do PSDB, César Contijo.

DEFESA: Aécio Neves considerou a decisão do partido serena e democrática. “Não há aqui vitoriosos e vencidos. É uma decisão que respeita não apenas aquilo que prevê o estatuto, mas também a história daqueles que construíram o PSDB. Ninguém perde nesse episódio”, afirmou Aécio.